Chegou a hora de montar o quarto do seu bebê ou renovar a decoração do espaço do seu filho, e você está sem ideias? Então veio ao lugar certo! Separamos cinco dicas de decoração de quarto infantil para você se inspirar.

Trata-se de tendências inspiradas em correntes pedagógicas, no que há de mais moderno e naquilo que nunca sai de moda. Tudo para deixar o ambiente perfeito para o seu filho e do jeitinho que você sempre sonhou. Confira já!

Decoração Montessoriana

É inspirada na corrente pedagógica desenvolvida por Maria Montessori, renomada educadora italiana, que tem como objetivo principal desenvolver a liberdade e a autonomia da criança, independente de sua idade.

Na decoração montessoriana, é comum vermos quartos infantis com camas rentes ao chão, possibilitando assim à criança subir ou descer delas facilmente. Prateleiras no alcance dos pequenos, para que estes tenham liberdade para pegar um brinquedo ou livro na hora que quiserem sem o auxílio de um adulto, também são tendência nessa linha de decoração. Há ainda os cestos para brinquedos, que são bastante práticos e, de quebra, contribuem para a organização do lugar.

Quanto aos tapetes, além de coloridos e divertidos, devem garantir que a criança não desenvolva problemas respiratórios por causa do pó que pode se acumular neles. Aposte nos emborrachados, que são fáceis de limpar e não juntam poeira como os felpudos.

Se a proposta te agrada, comece a pensar na decoração do quarto do seu filho a partir do ponto de vista e da altura dele.

Decoração Waldorf

Esse tipo de decoração é baseado em uma corrente pedagógica, desenvolvida pelo filósofo, educador e artista austríaco Rudolf Steiner. Sua filosofia prega ligar a criança a um ambiente o mais próximo possível da natureza. O quarto Waldorf é pintado em tons crus ou pastel e tem móveis de madeira de verdade.

Os desenhos ou cores do quarto da criança também sofrem influência da natureza e fogem do artificial, de modo a não deturpar o senso de realidade durante o desenvolvimento da criança.

Bichinhos, florestas e outras paisagens naturais podem ser uma boa inspiração para entrar no conceito Waldorf.

Decoração minimalista

Você não tem uma corrente a ser seguida, mas tem certeza de que um quarto infantil não precisa ser cheio de elementos e ultracolorido? Uma boa proposta de decoração para quem pensa assim pode ser a minimalista.

Nessa tendência, use papéis de parede com elementos neutros, como os de listras. Eles poderão ser usados no quarto do seu filho bebê, mas também quando ele for maiorzinho — sem destoar da idade da criança.

Os móveis também podem ser em tons claros — brancos ou em madeira clara —, para que um ou outro elemento possa sobressair.

Opte por algumas prateleiras no mesmo tom dos móveis. Elas vão ajudar a decorar o espaço e acomodar algumas coisas, caso o quarto seja pequeno; além disso, são muito funcionais. Prateleiras podem abrigar ainda itens de decoração, brinquedos e livrinhos, para quando a criança for maior.

Decoração moderna

Nada de rosa ou azul. A decoração de um quarto infantil moderno tem elementos em tons cinza — de preferência com estampa em chevron —, brinca com tons amarelos, que criam contraste, em almofadas ou lençóis, por exemplo, e ainda lança mão de elementos como carinhas fofas de nuvem, silhuetas de unicórnios ou de corações estilizados.

Essa tendência é para quem quer fugir do óbvio, mas sem neutralizar a alegria infantil.

O desenho do chevron também pode aparecer em papéis de parede, no tecido de uma cadeira de amamentação ou mesmo em um tapete.

Decoração com personagens infantis

Não teve jeito. Você até ensaiou uma linha mais moderna, uma tendência do momento, mas seu filho quis mesmo uma decoração inspirada no personagem infantil de sua paixão. Vale o super-herói, o bichinho divertido ou o personagem principal de um desenho animado.

Inspire-se na paixão de seu filho, mas não abuse dos elementos. Nada de fronhas do Homem-Aranha e também cortinas, lençóis e tapete do mesmo personagem: isso vai deixar o local visualmente poluído, portanto cansativo.

Opte por uma decoração em tons claros e um ou outro elemento que remeta ao personagem eleito e suas características.

Faça um desenho charmoso ou use papel de parede com estampas do personagem. Escolha objetos que lembrem o personagem infantil ou a sua história, como uma melancia da Magali, da Turma da Mônica. Ou um tapete do Incrível Hulck.

Segurança: item número um na decoração de quarto infantil

De nada adianta ter o quartinho dos sonhos se ele não for seguro para o seu filho. Um berço, por exemplo, deve seguir todas as especificações de segurança e ser certificado pelo Inmetro. Nada de fios ou amarrações dentro dele e que possam se embolar com o bebê.

Se for pendurar algo na parede da cabeceira da cama da criança, opte por afastá-la alguns centímetros. Assim, se um acidente acontecer, e a peça cair, ela não cairá sobre a criança.

Tomadas deverão receber um protetor para evitar acidentes, principalmente na fase em que seu filho começa a engatinhar e a mexer nas coisas.

Aqui, cuidado com estantes ou móveis do tipo que podem servir de apoio para o pequeno, na fase do engatinhar; mas também podem tombar sobre ele. Evite esse tipo de móvel ou, se for usá-lo, fixe-o na parede para evitar sustos.

Ainda na fase bebê, o trocador de fraldas deve estar sempre próximo às gavetas para que você possa pegar roupas ou outros elementos sem se afastar da criança e assim evitar que ela caia.

Opte também por brinquedos ou elementos de decoração grandes. Crianças costumam colocar coisas na boca, e objetos pequenos podem ser engolidos.

É importante lembrar, mais uma vez, os tapetes adequados para esse ambiente: os emborrachados. Eles evitam ou amortecem as quedas, bastante comuns em crianças.

Claro que você deve estar muito empolgada com tantas possibilidades para decorar o quarto do seu filho! Mas calma: independente do estilo adotado, um planejamento cuidadoso de como fazer isso e uma boa pesquisa para encontrar gente qualificada para te ajudar nessa tarefa são essenciais para que tudo fique como você quer.

Curtiu nossas dicas de decoração para quarto infantil? Quer aproveitar essa animação e dar um jeitinho também na sua sala de estar ou de jantar? Então, veja 10 maneiras de usar cor na decoração dessas salas.