Pintar a parede, pendurar quadros e escolher alguns objetos decorativos podem te ajudar a transformar o seu ambiente. Mas nada melhor para dar uma cara nova à sua casa do que comprar móveis novos! Hoje em dia isso pode ser rápido e prático, já que você pode comprar tudo online e receber os móveis na sua casa.

Mas é bom lembrar que algumas lojas não oferecem o serviço de montagem, então você ainda vai ter que colocar a mão na massa para ter o seu tão sonhado ambiente decorado. Se pegar na ferramenta para você é um problema, mantenha a calma! Leia as nossas dicas práticas de como montar móveis e encare o desafio sabendo todo o passo a passo!

idarquitetura.wordpress.com
http://www.oolhaisso.com
Instagram.com

1. Leia o manual

Os manuais são o principal ponto de partida para quem é leigo em determinado trabalho. Portanto, se você quer móveis perfeitos, precisa reservar um tempo para ler toda a papelada que vier com o produto.

Não deixe nenhuma informação passar batida. Analise os dados do fabricante, as dimensões das peças, a quantidade de componentes (trilhos, buchas, maçanetas etc.) e as instruções de montagem com a ordem correta, dicas e cuidados.

br.freepik.com

2. Confira as peças

Com base nos elementos descritos no manual, abra a embalagem e verifique se todas as peças vieram no pacote. Dessa forma, poderá entrar em contato com a empresa caso sinta falta de algum componente importante, evitando, assim, atrasos e problemas no processo de montagem.

Considere que imprevistos podem acontecer, e agende pelo menos um dia para se dedicar ao móvel. Ter esse compromisso marcado permitirá que você prepare o local e organize a área onde a peça será instalada.

3. Adquira as ferramentas

www.dutramaquinas.com.br

Se você nunca montou um móvel, é possível também que não exista uma caixa de ferramentas na sua casa. Então, programe-se para providenciar o básico: parafusadeira e chave de fenda ou Philips. Geralmente, essas duas ferramentas dão conta do recado, mas confira no manual se você não vai precisar de algo mais específico. A parafusadeira é uma ótima pedida se o seu móvel tiver muitos parafusos. Mas a chave é indispensável para aquele apertão final. Não esqueça de conferir o tamanho e formato dos parafusos para saber qual chave vai servir melhor!

Outros equipamentos podem te ajudar na hora de conferir se os ângulos estão retos e se a posição da peça está certa — principalmente para aqueles fixados na parede, como armários e painéis. Portanto, providencie também um esquadro, um nível e uma trena.

A maior parte dos móveis são montados com parafusos, mas caso você tenha comprado um modelo com pregos, também precisará de um bom martelo.

4. Defina o local e a posição

Importantíssimo: sempre faça a montagem o mais próximo possível de onde o móvel vai ficar. Isso vai evitar deslocamentos desnecessários.

http://www.jornalatualidades.net

Depois de definir o local, é hora de prepara-lo: assim como você faria na hora de pintar a parede, é importante forrar a área de trabalho para proteger o móvel e o piso do ambiente. Cubra o chão com papelão ou com a própria embalagem do produto, para que você trabalhe sem se preocupar em riscar o piso ou danificar alguma peça.

Em seguida, vá separando todas as peças e componentes do móvel para ficarem à vista, o que vai te ajudar na hora da montagem. Analise qual a melhor posição para você fazer a montagem, com o móvel em pé ou deitado. Se for um móvel grande e pesado, leve em conta o trabalho de movimentar a peça para a montagem – talvez você precise de quatro mãos para isso!

Aproveite esse momento inicial para limpar os rodapés, parede e tudo o que pode ficar escondido atrás do móvel montado. Assim, não vai ter que se preocupar em deslocar a peça tão cedo para fazer uma faxina.

DICA: Mantenha o seu local de trabalho organizado. Separe os lixos, guarde as peças pequenas para não perder e mantenha a área livre para você conseguir se movimentar ao redor do móvel.

5. Coloque a mão na massa

delas.ig.com.br

Chegou a hora de montar! Com o local bem organizado e com todas as peças à vista, passe a mão no manual e siga à risca a ordem de montagem. Geralmente, a montagem começa pela estrutura principal, com a união das peças maiores que vão compor o “esqueleto” do móvel.

Com as ferramentas apropriadas, una as peças aos poucos. Confira se a montagem ficou boa e firme antes de partir para a próxima etapa. Observe as peças cuidadosamente: se forem muito parecidas, acompanhe as numerações impressas no manual para não se enganar.

Com a estrutura já montada, é hora de montar as peças menores ou acessórios, como gavetas, portinhas, divisórias, acabamentos plásticos e outros detalhes. Se o modelo tiver forro (como uma estante ou guarda-roupa), utilize o esquadro para fixar essa parte e evitar que fique torta.

Por fim, tenha cuidado ao levantar o móvel e, se precisar arrastá-lo, utilize um pano ou tapete macio sob a base. Para garantir que nada está fora do lugar, posicione o nível em vários pontos e extremidades.

Como montar móveis pode ter seus imprevistos, é bom se planejar e tirar um dia para fazer só isso. Dependendo da complexidade de montagem ou do tamanho do seu móvel, talvez você precise de ajuda: chame um amigo ou conte com seu companheiro, pois aí a tarefa vai ficar mais fácil e rápida. Quando tudo terminar, você também já vai ter companhia para comemorar!

Pronto, agora você já pode comprar móveis sem se preocupar tanto com a montagem! Ou você ainda não sabe se vai investir em móveis planejados ou prontos? Confira o nosso artigo sobre o assunto e descubra qual é melhor para a sua casa! Quando o assunto for transformar o seu espaço, conte sempre com a gente!